Mercado Livre de Energia

Para proporcionar mais liquidez às operações no ambiente de contratação livre, oferecemos contratos de energia convencional ou incentivada, a curto, médio e longo prazo.

Nossa mesa de operações conta com uma infraestrutura completa e adequada para a condução segura das atividades, comercializando energia com inovação, flexibilidade e transparência, além de assegurar a excelência em cada serviço realizado e garantir a satisfação dos nossos clientes. 

Oferecemos atendimento especializado para os diversos segmentos do mercado e disponibilizamos outros serviços relacionados à gestão e à comercialização de energia elétrica. Confira alguns deles:

  • Migração para mercado livre;
  • Estratégia de contratação de energia elétrica a curto, médio e longo prazo;
  • Monitoramento de mercado;
  • Gestão de risco e inteligência de mercado;
  • Gestão e representação na CCEE;
  • Disponibilização de relatórios de acompanhamento;
  • Gestão de medição para geradores;
  • Representação do cliente junto à CCEE;
  • Gestão e energia no Mercado Livre e Cativo;
  • Promoção de leilões;
  • Consultoria e treinamento;
  • Viabilização de projetos energéticos;
  • Operações com derivativos de energia;
  • Gerenciamento de riscos.


  1. O que é o Mercado Livre de Energia?
  2. O Ambiente de Contratação Livre (ACL), conhecido como Mercado Livre, surgiu com o objetivo de estimular a livre concorrência na contratação de energia elétrica, no qual o consumidor tem mais liberdade para gerir seuscontratos de consumo de acordo com sua estratégia. A principal característica e vantagem do Mercado Livre é que há a liberdade de escolha do fornecedor de energia elétrica.

  3. Como funciona?
  4. Uma vez migrado, o consumidor livre tem a liberdade para gerir seus contratos de suprimento de consumo, negociando livremente as condições que podem ser preço, prazo de entrega e flexibilidade de volume. O consumidor livre também pode escolher seu fornecedor de energia, que pode ser um gerador ou um agente comercializador.

  5. Quem pode comprar energia no Mercado Livre de Energia? Quais são os requisitos?
  6. Um consumidor pode se tornar livre desde que tenha demanda maior ou igual a 3.000 KW por ano e seja atendido em tensão maior ou igual a 69 kV. Para aqueles interligados ao sistema elétrico após o dia 8 de julho de não há exigência quanto ao nível de tensão. A partir de 1° de janeiro de 2019, não haverá exigência quanto ao nível de tensão aos consumidores com a demanda maior ou igual a 3.000 kW. Estes são denominados Clientes Livres.

    Os consumidores com demanda contratada maior ou igual a 500 kW e menor que 3.000 KW (ainda que em comunhão de carga, ou seja, consumidores com o mesmo CNPJ ou localizados na mesma região que agregam suas cargas para atingir o nível mínimo de demanda exigido para se tornarem consumidores especiais), atendidos desde a tensão de 2,3 kV poderão aderir ao mercado livre se adquirirem energia exclusivamente de fontes incentivadas. São fontes incentivadas: Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH’s), eólicas, solar, biomassa, entre outras.

    Importante destacar que a energia incentivada possui fontes de geração de baixo impacto ambiental, podendo haver desconto na Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição (TUSD) e Tarifa de Uso do Sistema de Transmissão(TUST). Estes são denominados Consumidores Especiais.

  7. Qual é a diferença entre cativos e livres?
  8. A principal diferença entre eles é que no mercado cativo os consumidores chamados “cativos” obrigatoriamente adquirem a energia da concessionária ou permissionária com permissão para distribuir energia elétrica sem possibilidade de negociação, enquanto no mercado livre as duas partes têm liberdade para negociarem livremente suas condições comerciais de contratação.

  9. Quais os benefícios para quem compra energia no Mercado Livre?
      • Produtos, preços e prazos são livremente negociados com fornecedor;
      • Previsibilidade orçamentária, pois os índices de reajuste são previamente acordados;
      • Possibilidade de adequação da compra de energia ao perfil de consumo e sazonalidade do processo produtivo;
      • Poder de alocação da energia entre unidades;
      • Economia em relação ao Mercado Cativo.
      • Produtos, preços e prazos são livremente negociados com fornecedor;
      • Previsibilidade orçamentária, pois os índices de reajuste são previamente acordados;
      • Possibilidade de adequação da compra de energia ao perfil de consumo e sazonalidade do processo produtivo;
      • Poder de alocação da energia entre unidades;
      • Economia em relação ao Mercado Cativo.


  10. É possível estimar, em média, quanto uma empresa economiza nos custos com energia quando ela passa a comprar no Mercado Livre?
  11. Em média de 20% a 30%.

  12. Existe algum risco de comprar energia no Mercado Livre?
  13. Há 2 riscos a serem considerados:

      • Risco de Contraparte – Não contratar de um fornecedor confiável e culminar em falta de cobertura de lastro.
      • Risco na Contratação/Recontratação: Devido à flutuação constante de preços no Mercado Livre é importante observar a contração correta da carga e de longo prazo para evitar flutuações de preço no mercado de curto prazo.Risco na Contratação/Recontratação: Devido à flutuação constante de preços no Mercado Livre é importante observar a contração correta da carga e de longo prazo para evitar flutuações de preço no mercado de curto prazo.
  14. Como é a composição da conta de uma empresa que compra energia no Mercado Livre? A empresa continua tendo que pagar por itens que já tinha que pagar quando não estava no Mercado Livre? Se sim, quais?
  15. Todos os impostos e encargos permanecem. O fluxo de pagamento muda, pois no cativo todos os itens de energia compõem uma única fatura da distribuidora. No Mercado Livre, são emitidas uma fatura de demanda pela Distribuidora, uma de energia pelo fornecedor e ainda há alguns compromissos a serem pagos à Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

  16. É fácil comprar energia no Mercado Livre? O que a empresa interessada deve fazer?
  17. Para quem ainda não é do Mercado Livre é recomendável, antes da contratação, iniciar o processo de Migração junto à CCEE, que leva aproximadamente 180 dias, para balizar a data de início no Mercado Livre.

  18. Que órgãos governamentais regulam a compra e venda de energia pelo Mercado Livre?
  19. As operações obedecem a normas e procedimentos estabelecidos pela CCEE em consonância com as legislações específicas do setor.

  20. Comprar energia no Mercado Livre é uma tendência em crescimento no Brasil?
  21. Sim, este mercado, ao longo dos anos, tem atraído diversas empresas no Brasil. Atualmente, existem mais de 10 mil unidades consumidoras no Mercado Livre brasileiro.

  22. A Neoenergia tem uma empresa que comercializa energia no Mercado Livre, a Neoenergia Comercialização. Como a Neoenergia Comercialização se destaca de outras empresas do mercado no que se refere à venda de energia pelo Mercado Livre?
  23. A Neoenergia Comercialização faz parte do Grupo Neoenergia, que distribui energia elétrica para 34 milhões de pessoas, tem mais de 4.500MW de capacidade instalada de geração e atua em toda a cadeia do setor.

    Desde 2001, a Neoenergia Comercialização desenvolve soluções sob medida para clientes, com consultorias especializadas e gestão estratégica de energia, contratos de compra e venda de eletricidade com produtores econsumidores de Norte a Sul do país.